Posts com a tag ‘agência de marketing bh’


Rede Pomodori é o novo cliente da Carvalho Martins.

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

A post_pomodori2rede de franquias Pomodori Pizza é a mais nova cliente da Carvalho Martins Comunicação. Os empresários Luiz Flávio Cançado e Sérgio Zulian confiaram à equipe da Carvalho Martins a tarefa de reorganizar, planejar e gerenciar a comunicação de marketing da marca Pomodori, que pretende solidificar seus processos mercadológicos  junto à rede, ampliar sua ação no mercado mineiro e expandir para outros territórios. A Target Franchising, consultoria especializada em gestão comercial e expansão de redes de franquias, é parceira da Carvalho Martins na Pomodori.


Belle Bonelli: marca volta a ser atendida pela Carvalho Martins

quinta-feira, 30 de março de 2017

bellebA marca de dermocosméticos Belle Bonelli, da empresária e Dra. Ludmila Bonelli, volta a ser atendida pela Carvalho Martins. Belle Bonelli é uma linha de produtos de ativos exclusivos e de alta performance, que atua no mercado brasileiro através de uma rede de distribuidores. Após um breve período de pausa, Belle Bonelli volta ao portfólio de clientes da Carvalho Martins que passa a ser responsável pelas estratégias de marketing da empresa, além da gestão da marca nas redes sociais, publicidade, packing e branding design.


Quem quer comprar um cliente?

quarta-feira, 01 de fevereiro de 2017

imagem-03

O empresário que investe em ações de comunicação de marketing com consciência sabe que, na realidade, está investindo na compra de clientes. Sim, afinal, nossos cérebros estão à venda. Faça um teste simples, para descobrir quais são suas marcas mais lembradas em determinados segmentos. Algumas são quase unanimidades: lâmina de barbear? Gillette. Refrigerante? Coca-Cola. Banco? Bradesco. E por aí vai…


Qual é a razão desse sucesso?

Além de bons produtos – que cumprem o que prometem em qualidade, performance e outras promessas mais subjetivas de satisfação – há um investimento constante e planejado em ações de comunicação de marketing por parte das empresas detentoras dessas marcas. Por exemplo: a P&G investiu no Brasil mais de um bilhão de reais no ano de 2014 em ações de comunicação de marketing apenas para marca Gillette. O Bradesco, mais de 890 milhões*.

Essas verbas são distribuídas em diversas ações que vão desde publicidade em TV, passando por patrocínios esportivos, ações de ponto de venda, até o relacionamento com consumidores via redes sociais. E o objetivo de todo esse investimento é um só: comprar espaço em nossas mentes. Fazer com que a marca exista e subsista em nosso cérebro, principalmente na hora em que estamos para tomar uma decisão de compra. Essa é a base do conceito de mind share. É como se, em relação a marcas e produtos, nosso cérebro fosse representado por um “gráfico-pizza” cujo espaço está à venda, onde as maiores fatias pertencem às marcas mais lembradas, que pagaram mais caro por isso – as famosas top of mind. E essas marcas reconhecem que o investimento em comunicação de marketing que gera resultados deve ser constante, e não pontual – mesmo em tempos de crise. Só assim, elas mantêm o espaço conquistado em nossas mentes.

Artigo de Sérgio Coelho Martins
*http://exame.abril.com.br/marketing/noticias/os-30-maiores-anunciantes-do-brasil-em-2014#14)